Get a site
24 Julho, 2021

Nação Portista

A vencer desde 1893

Francisco Campos no pódio da segunda etapa do Grande Prémio Douro Internacional

Ciclista da W52-FC Porto foi o terceiro a cortar a meta em Miranda do Douro.

Francisco Campos foi terceiro classificado na segunda etapa do Grande Prémio Douro Internacional, que se realizou nesta sexta-feira entre Carrazeda de Ansiães e Miranda do Douro. O ciclista da W52-FC Porto cumpriu os 144,7 quilómetros em 3h39m19s, o mesmo tempo que o vencedor da tirada, o português Iúri Leitão (Tavfer-Measindot-Mortágua).

Depois de Francisco Campos, cortaram a meta os restantes Dragões em prova: José Neves (22.º), Jorge Magalhães (41.º), Rui Vinhas (47.º) e José Mendes (61.º). Na geral individual, José Neves segue no 13.º lugar e é o ciclista da W52-FC Porto melhor posicionado, com 25 segundos de atraso para o líder, o uruguaio Maurício Moreira (Efapel). Atrás de José Neves surgem Rui Vinhas (24.º), Francisco Campos (31.º), Jorge Magalhães (37.º) e José Mendes (52.º). Na classificação geral por equipas, a W52-FC Porto mantém a sétima posição.

Este sábado corre-se a terceira etapa do Grande Prémio Douro Internacional, dividida em dois setores: da parte da manhã, há um contrarrelógio individual de 10,8 quilómetros em Resende; à tarde, o pelotão parte para uma curta ligação de 66,2 quilómetros, que termina em S. João da Pesqueira.

Fonte: fcporto.pt