Get a site
24 Julho, 2021

Nação Portista

A vencer desde 1893

Dia de dose dupla no Grande Prémio Douro Internacional

José Neves, da W52-FC Porto, é segundo na geral individual à entrada para o último dia da prova.

Realizou-se neste sábado a terceira etapa do Grande Prémio Douro Internacional, dividida em dois setores: da parte da manhã, houve um contrarrelógio individual de 10,8 quilómetros em Resende; à tarde, o pelotão arrancou para uma curta ligação de 66,2 quilómetros, que terminou em S. João da Pesqueira.

No contrarrelógio individual matinal, o Dragão José Neves foi o segundo mais rápido a cumprir os 10,8 quilómetros em Resende, com o tempo de 14m17s, mais sete segundos do que o vencedor, o uruguaio Maurício Moreira (Efapel). Jorge Magalhães (13.º), José Mendes (23.º), Rui Vinhas (38.º) e Francisco Campos (59.º) foram os restantes ciclistas da W52-FC Porto na estrada durante a manhã.

Da parte da tarde, nos 66,2 quilómetros corridos em S. João da Pesqueira, José Neves foi o único atleta portista a terminar no top-10, cortando a meta na oitava posição. Na geral individual, José Neves segue no segundo lugar, a 32 segundos de distância do líder Maurício Pereira (Efapel). Atrás do companheiro de equipa estão Rui Vinhas (24.º), Francisco Campos (34.º), Jorge Magalhães (37.º) e José Mendes (44.º). Na geral por equipas, a W52-FC Porto mantém-se no sétimo posto.

Este domingo corre-se a quinta e última etapa do Grande Prémio Douro Internacional, entre Tabuaço e Lamego (148 quilómetros).

Fonte: fcporto.pt