Get a site

“Vou chegar e jogar com todo o meu coração pelo FC Porto”

Larry Gordon não esconde o entusiasmo e a ansiedade por começar a vestir de azul e branco.

Oficializado ontem como reforço da equipa de basquetebol do FC Porto, Larry Gordon já falou sobre o futuro que o espera de azul e branco. O extremo norte-americano, de 33 anos e 1,96m, chega à Invicta com muita experiência internacional acumulada, mas acredita que pode dar muito mais do que isso ao coletivo portista. Quase a viajar para uma cidade “fantástica”, Larry Gordon considera-se “um jogador versátil” e já sabe o que quer de Dragão ao peito: “As minhas expetativas são ganhar jogos e colocarmo-nos numa posição em que possamos vencer o campeonato”.

Feliz por ser jogador do FC Porto
“Sinto-me muito bem por ir para o FC Porto. Ouvi grandes coisas sobre o clube, sobretudo do Max Landis, que já foi meu companheiro de equipa. Toda a gente me diz que a cidade do Porto é fantástica, por isso estou ansioso por fazer parte do clube e da cidade. Quero muito experienciar uma nova cultura de basquetebol e de pessoas. As minhas expetativas são ganhar jogos e colocarmo-nos numa posição em que possamos vencer o campeonato. Tudo o que importa para mim é ganhar jogos. Vou dar o meu melhor para ajudar esta equipa a ganhar jogos e a ser campeã. Obrigado por esta oportunidade e mal posso esperar por começar a trabalhar como jogador do FC Porto.”

Versatilidade e vontade de vencer
“Posso jogar nas posições 2 ou 3, pois considero-me um jogador versátil. Isso é importante para mim enquanto jogador, poder jogar em mais do que uma posição. É algo que ganhei ao longo da carreira. Tenho habilidade para ir para o cesto e posso defender jogadores em várias posições, além de poder ressaltar também. Tenho muitas coisas no meu jogo que trabalhei ao longo da minha carreira e que fizeram de mim melhor jogador. Vou fazer tudo o que estiver ao meu alcance para ajudar a equipa a vencer.”

A experiência adquirida pelo mundo
“Já joguei em algumas Ligas muito fortes e muito boas. Aprendi muito sobretudo na Alemanha, onde joguei a maior parte da minha carreira. É um nível muito alto. Quanto mais jogas a um nível alto, melhor jogador te podes tornar. Vai ser interessante ver o quão efetivo posso ser na Liga portuguesa.”

O reencontro com Max Landis
“Joguei com o Max Landis na Alemanha há duas épocas. Ele é um grande jogador e um grande lançador, além de ser uma grande pessoa. Estou ansioso por aprender tudo sobre o FC Porto e por chegar à cidade. Acredito que vai ser uma grande experiência para mim.”

Mensagem para os adeptos
“Estejam preparados para uma boa época de basquetebol, pelo entusiasmo e pelas vitórias que vamos conseguir. Vou chegar e jogar com todo o meu coração pelo FC Porto. Vou ser dedicado ao clube e espero que vocês estejam tão entusiasmados com a próxima época como eu estou.”

Fonte: fcporto.pt