Um ponto ao cair do pano

Equipa de Rui Barros empatou em Pedroso com o Chaves (1-1), na 13.ª jornada da LigaPro.

O FC Porto B recebeu em Pedroso o Chaves, em duelo da 13ª ronda da LigaPro, e empatou a um, com um golo a dois minutos do fim. A sexta igualdade dos azuis e brancos na prova permite-lhes chegar aos 15 pontos na classificação.

Numa etapa inicial com poucas oportunidades claras, foi Tony Djim, assistido por Madi Queta, a protagonizar o primeiro momento de maior alvoroço na grande área flaviense. A resposta dos visitantes surgiu três minutos depois por Wagner, cujo remate obrigou Ricardo Silva a uma intervenção apertada.

O segundo tempo foi mais emocionante e logo ao minuto 51, Tony Djim esteve novamente em evidência ao cabecear com perigo, após canto batido por Vítor Ferreira. Só que aos 55 minutos, também na sequência de um pontapé de canto, Diego Galo foi mais eficaz e aproveitou uma bola solta na pequena área portista para fazer o 1-0. Fatai até podia ter dilatado a vantagem transmontana (58m) e depois o inevitável Tony Djim, em dois momentos (59m, 66m) esteve perto de equilibrar posições no marcador. Até que, já nos descontos, através de uma grande penalidade, Vítor Ferreira fixou o resultado final, mantido por Ricardo Silva nos últimos segundos da partida ao travar o cabeceamento de Calasal.

O FC Porto B volta a jogar na próxima terça-feira, em Inglaterra, frente ao PSV Eindhoven, na segunda jornada do Grupo D da Premier League International Cup. O confronto vai decorrer em Wesham e tem início marcado para as 19h00.

FC PORTO B-CHAVES, 1-1
LigaPro, 13.ª jornada
13 de dezembro de 2019
Estádio de Pedroso, Vila Nova de Gaia

Árbitro: André Castro
Assistentes: Jorge Brito e Valdemar Maia
Quarto árbitro: Eduardo Ribeiro

FC PORTO B: Ricardo Silva; Diego Landis, Pedro Justiniano, Nahuel Ferraresi, Luis Mata (cap.), Musa Yahaya, Rodrigo Valente, Vítor Ferreira, Fábio Vieira, Madi Queta e Tony Djim
Substituições: Rodrigo Valente por João Mário (62m), Diego Landis por Boris Enow (65m), Tony Djim por Marius (77m)
Não utilizados: Francisco Meixedo, Diogo Bessa, Ángel Torres e Afonso Sousa
Treinador: Rui Barros

CHAVES: Igor; Jean Felipe, Calasan, Diego Galo, José Gomes, Fatai, Raphael Guzzo, Jefferson (cap.), Wagner, João Bachi e André Luis
Substituições: João Bachi por João Gamboa (67m), André Luis por João Paredes (76m), Wagner por Hugo Basto (85m)
Não utilizados: Ricardo, Niltinho, Rafael Viegas e Platiny
Treinador: José Mota

Ao intervalo: 0-0
Marcadores: Diego Galo (55m), Vítor Ferreira (93m)
Disciplina: cartão amarelo a Pedro Justiniano (31m), Musa Yahaya (34m), Wagner (39m), Diego Landis (47m), João Paredes (84m), Jefferson (95m), Boris Enow (95m)

Fonte: fcporto.pt