Get a site

Pinto da Costa: “Muitos anunciam aos sete ventos que nós já somos campeões”

Presidente do FC Porto rejeita entrar em euforias, mas refere que também já tinha sido feito “o funeral” da época azul e branca.

Jorge Nuno Pinto da Costa assumiu-se contra a euforia antecipada numa altura em que o FC Porto lidera a I Liga com seis pontos de vantagem em relação ao segundo classificado, o Benfica.

No texto que assina na mais recente edição da revista “Dragões”, o presidente do clube azul e branca recorda o “funeral” que já tinham feito à época da equipa portista e rejeita a “entronização precoce”.

“Falta um mês para terminar a temporada e o FC Porto mantém em aberto os objetivos de conquistar as duas principais competições nacionais. Sei que muitos, desejosos de que aconteça o contrário do que apregoam, anunciam aos sete ventos que nós já somos campeões. Como é óbvio, não alinho nessa conversa. A minha postura é exatamente a mesma que assumi a 25 de janeiro, quando uma infelicidade nos impediu de vencer a Taça da Liga, numa altura em que a liderança do campeonato estava a sete pontos de distância. Muitos já nos tinham feito o funeral e consideravam que a nossa época tinha acabado”, começa por referir Pinto da Costa, que prossegue:

“A minha confiança na nossa equipa e no nosso treinador era inabalável. Sei como é que se trabalha neste clube, com qualidade e dedicação total, e sei bem que esse é o melhor caminho para ter sucesso. Mas também sei que nada está ganho enquanto não está efetivamente confirmado. Como rejeitei o nosso enterro, rejeito qualquer entronização precoce. A necessidade de continuar a trabalhar muito e bem é tão importante agora como em janeiro”, remata o líder do FC Porto.

Fonte: ojogo.pt