Get a site

Moncho López: “Era impossível não querer voltar”

Treinador de basquetebol dos Dragões realça a importância do regresso aos treinos.

Os atletas de basquetebol do FC Porto regressaram, na passada segunda-feira, aos treinos no Dragão Arena. Divididos por grupos, de forma a respeitar as indicações da Direção Geral de Saúde, os jogadores às ordens de Moncho López estão de volta ao trabalho coletivo após praticamente dois meses de isolamento social. Perante a interrupção de todas as competições, o treinador galego vê as sessões pós-desconfinamento como “pré-preparação da próxima época desportiva”.

De volta aos cestos para evitar perdas de rendimento

“A retoma da atividade prende-se com o objetivo de não querermos desperdiçar o trabalho de uma época inteira. Sabemos que a inatividade pode provocar perdas de rendimento no imediato e no futuro do dos atletas. Sendo este um plantel com um grupo de jogadores ainda jovens, achámos que seria muito benéfico avançar já com a pré-preparação da próxima época desportiva. Como o FC Porto nos deu as melhores condições, com medidas de segurança na saúde e diversos planos organizacionais, era impossível não querer voltar. Tenho a certeza que, a nível físico e psicológico, será muito importante para as equipas.”

Fonte: fcporto.pt