Entrada em falso na Liga de Basquetebol

FC Porto foi surpreendido no Dragão Caixa pelo Illiabum (76-80) na jornada inaugural da primeira fase.

O FC Porto entrou com a mão esquerda na edição 2017/18 da Liga Portuguesa de Basquetebol, ao perder com Illiabum por 76-80, no jogo disputado este sábado no Dragão Caixa. A equipa orientada por Moncho López esteve em vantagem no marcador durante quase todo o encontro, mas perdeu-a nos cinco minutos finais à custa de um último período em que esteve longe de mostrar o seu real valor. O portista Sasa Brovnjak foi o MVP da partida: 22 pontos, sete ressaltos e uma assistência.

Moralizados pela vitória histórica em Israel sobre o Bnei Herzliya (68-65)​ na passada quarta-feira, os azuis e brancos entraram determinados a dar-lhe sequência na estreia no campeonato perante os seus adeptos. Apoiados numa defesa agressiva que começou por dificultar e muito a tarefa do adversário para lançar ao cesto, assumiram desde cedo a liderança do marcador, que chegou a ser ameaçada à custa de um início de segundo de período periclitante. Foi a melhor fase na primeira parte da equipa de Ílhavo que, com um parcial de 6-0, chegou a reduzir para dois pontos a diferença no resultado, não tendo sido depois capaz de travar a reação do FC Porto, que deixou as equipas separadas por 16 pontos quando chegou o intervalo.

O segundo tempo teve duas partes claramente distintas. No primeiro quarto, o FC Porto tentou encetar uma nova fuga no marcador de forma a poder gerir a partida com maior tranquilidade, mas o Illiabum nunca o permitiu, apesar de ter chegado a ver, a certa altura, os Dragões a 19 pontos de distância. No segundo, os ilhavenses entraram definitivamente na discussão do resultado, aproveitando um conjunto de erros individuais e colectivos dos azuis e brancos para passar para a frente pela primeira vez no jogo. Estávamos a pouco mais de quatro minutos do fim e o vencedor que parecia anunciado tornou-se uma incógnita e só foi conhecido nos derradeiros segundos.

No fim, ao microfone do Porto Canal, Moncho López admitiu que a equipa cometeu “vários erros, mais visíveis no na parte final”, que o adversário “soube aproveitar da melhor forma” e que acabaram por ditar a derrota dos azuis e brancos. “O Illiabum ganhou 20 ressaltos, o que mostra que estava decidida a lutar com todas as forças pela vitória. Durante algum tempo,não interpretámos bem a saída de pressão, houve outros em que conseguimos, mas depois falhámos alguns lances livres e cometemos erros nos lançamentos que nos podem ter custado a vitória”, explicou o técnico do FC Porto, que agora vai preparar a receção aos israelitas, a contar segunda mão da segunda ronda qualificação para a Taça da Europa da FIBA (pode encontrar aqui mais informações sobre os bilhetes para o jogo).

FICHA DE JOGO

FC PORTO-ILLIABUM, 76-80
Liga Portuguesa de Basquetebol, 1.ª fase, 1.ª jornada
7 de Outubro de 2017
Dragão Caixa

Árbitros: Fernando Rocha, Paulo Marques e Hugo Silva

FC Porto: Miguel Queiroz (4), Marcus Gilbert (15), Pedro Pinto (4), Will Hanley (18) e Sasa Borovnjak (22)
Jogaram ainda: André Bessa (2), António Monteiro (8), Miguel Miranda, Ferrán Ventura (3), Pedro Bastos e Will Sheehey
Treinador: Moncho López

Illiabum: Mike Williams (19), Marko Lonkovic (11), Ronald Boggs (4), Jeffrey Hearly (4) e Aleksander Danilovic (9)
Jogaram ainda: Augusto Sobrinho (13), Carlos Cardoso (7), Nuno Sá (8) e Diogo Araújo (5)
Treinador: Pedro Nuno

Ao intervalo:43-27
Parciais:21-13, 22-14, 20-25, 13-28

Fonte: fcporto.pt