Dragões ficam-se pelo “hexa” na Supertaça de bilhar carambola

Derrota por 3-1 frente ao Sporting, este sábado, no Estádio José Alvalade.

O FC Porto deixou fugir este sábado a possibilidade de prolongar o ciclo de seis vitórias consecutivas na Supertaça de bilhar às três tabelas, ao perder frente ao Sporting, no Estádio José Alvalade, por 3-1 (10-7 em sets), na disputa correspondente à época 2016/17, em que os Dragões se sagraram campeões nacionais e europeus e o Sporting foi finalista vencido da Taça de Portugal (precisamente frente aos portistas).

A Supertaça foi jogada à melhor de cinco sets (cada um até às 15 carambolas), ou seja, ganhava quem primeiro fizesse três em cada mesa. O encontro foi muito renhido e decidido por detalhes, como os parciais ajudam a perceber: na mesa um, Rui Manuel Costa perdeu por 3-2 frente a Jorge Theriaga; na mesa dois, João Ferreira bateu Francisco Rodrigues por 3-1; na mesa três, Santos Oliveira foi derrotado por José Correia, por 3-1; e, na mesa quatro, Alípio Jorge Fernandes caiu face a Joaquim Alves (3-1).

Fonte: fcporto.pt