Dois pontos deixados no Jamor (1-1)

FC Porto empatou a um golo com o Belenenses na 13.ª jornada da Liga NOS.

O FC Porto empatou este domingo diante do Belenenses (1-1), no Estádio do Jamor, em partida referente à 13.ª jornada do campeonato. Alex Telles (32m), de penálti, fez o golo dos Dragões, que seguem na segunda posição da tabela, com 32 pontos, menos quatro do que o Benfica.

Com uma entrada forte e pressionante, o FC Porto não demorou muito a encostar o Belenenses à sua baliza e o primeiro lance de perigo resultou precisamente de uma recuperação de bola à entrada da área da equipa lisboeta. Completamente contra a corrente do jogo, face ao claro domínio portista, o Belenenses adiantou-se no marcador por intermédio de André Santos, que bateu Marchesín com um remate de fora da área após um corte de Marcano (14m). Ainda assim, fica a ideia de que há mão na bola de um jogador do Belenenses no início da jogada.

O FC Porto não demorou a reagir à injusta adversidade e festejou o empate feito por Loum, mas o VAR assinalou a posição adiantada de Danilo (20m). Em mais uma rara investida ofensiva, o Belenenses quase fez o 2-0 por Licá, mas Marchesín assinou uma defesa magnífica (29m). A injustiça do resultado perdeu força pouco depois, quando Tiago Esgaio derrubou Corona dentro da área lisboeta: chamado a bater o penálti, Alex Telles enganou Koffi e estabeleceu a igualdade (32m).

A etapa complementar não foi tão animada quanto a inicial, mas pertenceram ao FC Porto as melhores oportunidades para marcar. Na cobrança de um livre direto, Sérgio Oliveira viu Koffi desviar a bola para poste (81m), mas a inspiração do guarda-redes do Belenenses não terminava aqui, pois também negou o golo a Zé Luis em duas ocasiões (86m e 90m+1). O FC Porto foi com tudo para a reviravolta, mas acabou por deixar dois pontos no Jamor.

Fonte: fcporto.pt