Get a site

Clubes da 1.ª Divisão tomam posição conjunta

Será enviado à Federação de Patinagem de Portugal um documento com sugestões para minimizar o impacto social, desportivo e financeiro da pandemia.

Todos os 14 clubes que disputam o Campeonato Nacional da 1.ª Divisão de hóquei em patins estiveram reunidos esta sexta-feira, através de videoconferência, para analisar as repercussões que a atual pandemia do coronavírus (Covid-19) terá no desporto e, em especial, na modalidade.

Os emblemas que disputam o escalão máximo do hóquei em patins português têm a comunicar o seguinte:

1 – Os 14 clubes do Campeonato Nacional da 1.ª Divisão de hóquei em patins mostram apreensão perante o momento social, desportivo e financeiro que vivemos, demonstrando, no entanto, uma total união para uma resposta célere às possíveis repercussões desta pandemia no hóquei em patins nacional;

2 – Todos os clubes se mostraram disponíveis para que as competições nacionais terminem, caso a saúde pública esteja salvaguardada, com uma calendarização ajustada;

3 – Os 14 clubes do Campeonato Nacional da 1.ª Divisão vão enviar à Federação de Patinagem de Portugal (FPP) um documento elaborado por todos com contributos para minimizar o impacto social, desportivo e financeiro que esta pandemia irá implicar;

4 – Todos os clubes do Campeonato Nacional da 1.ª Divisão estão fortemente empenhados em colaborar com a FPP para que, dentro dos condicionalismos que vivemos, o hóquei em patins português continue forte e como uma das maiores potências mundiais da modalidade;

5 – Com estas medidas, os clubes pretendem ser sempre parte da solução e um parceiro ativo da Federação de Patinagem de Portugal.

Fonte: fcporto.pt