Clássico foi amargo para os Sub-17

FC Porto perdeu com o Sporting (3-2) e ficou afastado da luta pelo título de Juniores B a duas jornadas do fim.

Dois golos do avançado Vasco Paciência não evitaram a derrota da equipa de Sub-17 do FC Porto por 3-2 no clássico frente ao Sporting, disputado este sábado, em Alcochete. A duas jornadas do fim da fase final do campeonato, os azuis e brancos deixaram de ter qualquer hipótese de conquistar o título de Juniores B – seguem na terceira posição, com 13 pontos, menos nove do que os leões, primeiros classificados.

O jogo no Estádio Aurélio Pereira foi quase sempre equilibrado e foi resolvido pela eficácia. O Sporting esteve mais certeiro na hora de rematar à baliza e em seis minutos, aos 21 e aos 27 da primeira parte conseguiu ganhar uma vantagem de dois golos, apontados Bernardo Sousa e Fati, com que acabaria por chegar ao intervalo.O descanso acabou por fazer bem ao FC Porto porque, com seis minutos do segundo tempo decorridos, reduziu para 2-1, por intermédio de Vasco Paciência na conversão de uma grande penalidade a castigar uma falta por ele próprio sofrida (46m).

A diferença mínima no marcador durou cerca de dez minutos, já que Gonçalo Costa transformou com êxito um livre direto. Os Dragões foram à procura de um golo que os relançasse no encontro e que acabou por surgir demasiado tarde, já no período de descontos (80+5m): Vasco Paciência, na recarga de um penálti por ele marcado, fixou o resultado final.

Os Sub-17 portistas, comandados por Bino, alinharam com João Gonçalo, Tiago Matos, Levi, Cláudio Silva, Tiago Lopes, Vítor Ferreira (Mané, 41m), João Mário (Gonçalo Borges, 66m), Romário Baró (cap.), Afonso Sousa, Ruben Moura (Leandro Campos, 41m) e Vasco Paciência.

Na próxima jornada, marcada para as 11h00 de quinta-feira, os portistas recebem o Oeiras no Estádio Luís Filipe Menezes, no Olival. O jogo tem transmissão em direito no Porto Canal.

Fonte: fcporto.pt

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.