“Bês” conquistam mais três pontos em casa

Equipa de Rui Barros venceu o SC Covilhã por 4-2, no Estádio do Pedroso, em desafio da 18.ª jornada da LigaPro.

O FC Porto B superiorizou-se este domingo frente ao SC Covilhã (4-2), no Estádio de Pedroso, em jogo a contar para a 18.ª jornada da LigaPro, a primeira da segunda volta. Esta foi a quinta vitória dos azuis e brancos no campeonato, que passam a somar 21 pontos.

Após 15 minutos. nos quais o equilíbrio foi nota dominante, o FC Porto impôs-se no encontro, dispondo de duas sérias oportunidades de perigo para visar a baliza dos serranos. Ao minuto 16, Rodrigo Valente, após cruzamento de Fábio Vieira, rematou por cima e pouco depois, de bola parada, foi a vez de Mor Ndiaye testar a atenção do guarda-redes do SC Covilhã. Em cima da meia hora, Diego Landis subiu mais alto do que a defensiva serrana e ao segundo poste cabeceou sem hipótese de defesa para Carlos Henriques, após livre de Afonso Sousa. O SC Covilhã respondeu aos 35 minutos na única oportunidade de perigo que criou até então. Mica com espaço conduziu a bola até à área portista e tirou o cruzamento para Deivison cabecear e empatar a partida.

No regresso dos balneários, Taddeus Nkeng desatou o nó do empate aos 54 minutos. O avançado camaronês do FC Porto rematou de primeira à boca da baliza a passe de Fábio Vieira. Ao minuto 60, Afonso Sousa deu maior expressão à vantagem azul e branca com um remate forte e colocado sem hipótese de defesa para o guarda-redes serrano, após passe de Nkeng. O SC Covilhã não se deu por vencido e Rodrigo Nascimento aos 62 minutos reduziu para 3-2. O médio brasileiro conseguiu encontrar espaço entre a linha defensiva portista e de pé direito rematou para o fundo da baliza.

Aos 75 minutos, Diego Landis travou em falta Deivison na área. O árbitro André Castro mostrou cartão vermelho direto ao defesa do FC Porto e Gilberto da marca dos 11 metros desperdiçou a oportunidade de empatar, atirando ao lado da baliza portista. No último suspiro da partida quem não desperdiçou foi Fábio Vieira. Após passe de Rodrigo Valente, o médio portista fez-se valer da habilidade com os pés para tirar do caminho Gilberto e, de pé esquerdo, fez balançar as redes serranas, selando a segunda vitória consecutiva do FC Porto B no campeonato.

Os Dragões rumam à Póvoa de Varzim na próxima jornada, a 19ª, para defrontar o Varzim (domingo, 2 de fevereiro, 11h15).

FC PORTO B-SC COVILHÃ, 4-2
LigaPro, 18.ª jornada
26 de janeiro de 2020
Estádio de Pedroso, Vila Nova de Gaia

Árbitro: André Castro
Assistentes: Valdemar Maia e José Martins
Quarto árbitro: Pedro Fernandes

FC PORTO B: Ricardo Silva, Fábio Vieira, Diego Landis, Luís Mata (cap.), João Mário, Mor Ndiaye, Pedro Justiniano, Taddeus Nkeng, Rodrigo Valente, Afonso Sousa e Musa Yahaya.
Substituições: João Mário por Madi Queta (68m); Afonso Sousa por Gonçalo Brandão (78m); Taddeus Nkeng por Boris Enow (80m)
Não utilizados: Francisco Meixedo, Diogo Bessa, Ángel Torres, Papalele
Treinador: Rui Barros

SC COVILHÃ: Carlos Henriques, Filipe, Gilberto (cap.), Deivison, Tiago Moreira, Zarabi, Agostinho Soares, Brendon, Mica, Jean e Bonami.
Substituições: Mica por Rodrigo Nascimento (58m); Bonani por Inusah (58m); Filipe por Daffé (78m)
Não utilizados: Igor Araújo, Joel Vital, Jaime Simões, Rodrigues
Treinador: Daúto Faquirá

Ao intervalo: 1-1
Marcadores: Diego Landis (31m); Deivison (35m); Taddeus Nkeng (54m); Afonso Sousa (60m); Rodrigo Nascimento (62m)
Disciplina: cartão amarelo a Agostinho Soares (13m); Filipe (52m); Tiago Moreira (90m) e Brendon (90m); cartão vermelho a Diego Landis (75m)

Fonte: fcporto.pt